Serigrafia (silk-screen) é um processo de impressão no qual a tinta é vazada – pela pressão de uma “raclette” – através de uma tela previamente preparada com as imagens pretendidas.

A arte de estampar é um processo de impressão que tem registo histórico datado de mais ou menos 3.000 anos antes da era cristã.

O processo serigráfico ganhou lugar de privilégio entre os gráficos que, por opção artística, passaram a usar esta técnica, o que aconteceu também com alguns artistas plásticos. Foi deste universo que profissionais do desenho industrial (design) e das artes plásticas projetaram um novo segmento a partir do processo serigráfico: a sinalização (sign) de vias públicas, eventos e frotas (automobilística, naval, ferroviária ou aérea) – era chegado o tempo da comunicação visual direcionada e publicitária.

Esta técnica permite desenvolvimentos artesanalmente assumidos e desenvolvimentos industriais com aplicação de tecnologias de ponta, quer em oficinas do tipo serigráfico, tampográfico ou têxtil. Em qualquer parte da Terra o processo serigráfico é sinônimo de desenvolvimento econômico e tecnológico sem perder a sua raiz de arte.

Esta técnica é utilizada na impressão dos mais variados tipos de materiais (papel, plástico, borracha, madeira, vidro, tecido, etc.), superfícies (cilíndrica, esférica, irregular, clara, escura, opaca, brilhante, etc.), espessuras ou tamanhos, com diversos tipos de tintas ou cores. Pode ser feita de forma mecânica (por pessoas) ou automática (por máquinas).

Na Publicidades RV é muito comum utilizar este processo para imprimir nossos têxteis, como, t’shirts, polos, sweat’shirts, sacos, pastas, aventais, coletes e diverso tipo de fardamento e muitos outros materiais.